sexta-feira, 23 de maio de 2014

E nessa monotonia.

Uma xícara de chá lado, um resfriado de brinde. Uma vontade de mudar tudo, de voltar, de ter aproveitado, ao mesmo tempo uma vontade de deixar tudo como esta. De não revirar um bau, já esta enterrado e não faz parte desse momento.

Sabe esses momentos estranhos?

Esses momentos que nos encontramos entre os altos e baixos, em que estamos tentando criar forcas contra nos mesmos, aquele momento que o sentimento de tristeza, magoa, já não fazem sentido. A cada dia desaparecem. Somem. Evaporam.
Encontro em uma momento de monotonia, em que ha dias nublados, e outros ensolarados. Dias que não busco um novo amor, mas busco uma nova historia. Uma nova fase, novas ideias, novos sonhos.
Ha dias que minha inspiração não batia na porta. Sera que hoje estou inspirada? Nem eu mesma sei. Porem, uma vontade la no fundo de escrever esses turbilhoes de palavras, esses sentimentos confusos, e esse coração acelerado. Preciso buscar em mim mesma novas sintonias, mudar para o modo ON da vida. E agora?

Ja sentiram seus sonhos travados?

Nunca precisei do sim das pessoas para sonhar, e você também não precisa, seus  sonhos se encontram dentro de vocês. Mas ha dias que os sonhos estão tao distantes, o medo de não realizar, o medo de viver uma vida baseada apenas em sonhos que não se concretizarão. Nao que eu seja dessas pessoas que não coloca fé nos sonhos, muito pelo contrario, acredito que se tivermos audácia o suficiente para lutar. Conseguiremos. Porem por um instante pensei mesmo se queria continuar com essas imaginações, de repente me perguntei: Onde se encontra aquela garota dos sonhos rabiscados? Aquela que escrevia em uma folha de papel, olhava para o céu, e pedia Deus forcas para seguir em frente?
Nao quero perder as forcas exatamente agora, não quero regressar. Quero lutar pelo que desejo, quero ser diferente. Nao quero apenas existir. Ja perceberam como ha pessoas que passam suas vidas reclamando? Pessoas que não gostam de sua própria vida?
Tenho medo.
Tenho medo de me deparar com um futuro assim, não quero passar todos os dias da minha vida odiando essa oportunidade. Pois muitas vezes e nessa monotonia que recarrego minhas forcas para seguir avante. Nessa monotonia que consigo reparar a realidade em que vivo, e se e assim que quero viver meu futuro. E definitivamente eu quero ir mais longe. Mesmo que muitos digam que não. Pois no fundo ha algo dizendo: Sim, vai dar tudo certo.
Nessa monotonia...

Nenhum comentário:

Postar um comentário